Ascendente em Virgem

Postado em 11 de agosto de 2016 por Andreia Modesto

Queria fazer uma postagem sobre Vanderlei Cordeiro de Lima, mas encontrei duas datas diferentes na web, nascido em Câncer ou em Leão, no ano de 1969, e acabei desistindo. Ele continua sendo, com Rafaela do Judô, a melhor medalha de ouro para todos nós, herói olímpico que supera qualquer empurrão da vida.

Enquanto nos distraímos com a cor verde-jade-algas da piscina, os estrangeiros assustados com as pedras ou tiros que estouraram os vidros do ônibus, o policial morto na Favela da Maré e tentando digerir a grosseria de boas-vindas que o Prefeito do Rio deu aos australianos, sugerindo cangurus na porta da entrada, é bom anotar:

– O STF absolveu Celso Russomano do crime de peculato, em tramitação há 11 anos. De 1997 a 2001 ele empregou em seu escritório político uma secretária que recebia, na época, salário médio de 2 mil reais, que vinham da Câmara dos Deputados. Ela trabalhava na produtora de vídeos de Russomano, ou seja, era funcionária particular. Está livre para concorrer a Prefeito de São Paulo, embora tenha sido anteriormente condenado pelo crime. Por “foro privilegiado”, ele pôde recorrer ao STF.

– Em Bom Jardim, Maranhão, Lidiane Leite, uma prefeita-ostentação, retoma o cargo de Prefeita, depois de ter sido presa por desvio de dinheiro da merenda escolar e fraudes em licitação. A Câmara dos Deputados “entendeu” que ela é inocente. Embora o município esteja no limite da miséria, a moça faz postagens ostentando riqueza e tendo uma postura pouco conveniente a quem ocupa um cargo público.

– O MEC suspende verba para “atletas cerebrais brasileiros” que disputariam Olimpíadas da Matemática no exterior. Se quiserem participar, que viajem por conta própria, pois o dinheiro acabou. A equação não funcionou, alguém subtraiu de onde não deveria.

Não pensem que a postagem nada tem a ver com Astrologia. É meu Ascendente em Virgem que está insuportável, com Júpiter, Vênus e Mercúrio pressionando! E Saturno-Mercúrio beliscando. É mais forte do que eu, força incontrolável, peço mil desculpas!

Gilberto Gil estava visivelmente abatido pelos problemas renais na festa de abertura. A festa foi o que tinha que ser. Perfeita. Todos foram pagos para fazer o melhor e fizeram. É o que deduzo.

Neymar e os outros meninos do futebol parecem um retrato do Brasil: precisam apanhar, levar uma bronca enorme para deixar de lado a infantilidade e o descompromisso, e então fazer o que têm que fazer: jogar direito. São pagos para isso, deduzo.

“Um olho no peixe e outro no gato” anônimo

Peço perdão por um Ascendente em Virgem, insuportavelmente azedo.