Escorpião e o Dia das Bruxas

Postado em 31 de outubro de 2016 por Andreia Modesto

Durante a passagem do Sol em Escorpião festejamos o “Dia das Bruxas”, lembrando que Escorpião é um dos signos mais místicos do Zodíaco.

Intuitivo, profético e profundo, um dos signos que tem necessidade de um caminho espiritual bem definido. Não tem dificuldade em fazer contato direto com mundo espiritual, sendo um canal para que espíritos consigam se comunicar. O nome disso é mediunidade.

Não é menos espiritualista do que Peixes, embora esse último prefira a Yoga e a Meditação como trajetória para o desenvolvimento espiritual. E frequentemente elege a caridade como forma de evolução nessa vida.

Câncer, como Escorpião e Peixes, um signo do elemento água, sente atração natural pelos mistérios da vida. Pode adotar algum guru que siga fielmente como expressão da Mãe ou do Pai divinos. E também pode optar por cultos orientais nos quais sejam feitos, com frequência, rituais para antepassados.

Dançar e cantar são formas também de fazer contato com o divino. E são os signos do elemento água que se sentem mais à vontade nesses processos.

Sagitário se apaixona pelas crenças de culturas bem distantes. E não é raro que tenha momentos de “iluminação” em viagens para lugares santos ou cheios de energia, desertos, montanhas ou florestas.

Aquário tem um pé na ciência e outro no misticismo. Gosta de ler sobre Ufologia e experiências paranormais. Tem curiosidade por muitas religiões e crenças e é possível que num mesmo dia frequente centros e igrejas de orientações diferentes.

Os “céticos” do Zodíaco são Touro, Virgem, Capricórnio e Gêmeos. É claro que Touro, Virgem e Capricórnio, por serem signos do elemento terra, associado à visão prática da vida, possuem uma visão muito racional. Virgem é chamado de “São Tomé do Zodíaco”, precisando “ver para crer”.

Curiosamente, quando Virgem desperta para a espiritualidade, começa a se modificar pelos cuidados com o corpo: torna-se vegetariano e pratica a Yoga além de outros exercícios. Como signo da terra, a mente só vai se libertar se o corpo estiver realmente limpo e leve.

Nesse texto, estamos falando do signo solar. A estrutura do mapa astral de nascimento pode modificar radicalmente o que o signo solar diz. Nenhum posicionamento pode ser compreendido fora do contexto geral do mapa. Poderemos conhecer piscianos céticos e virginianos que vão a missa todo domingo e ainda tomam passe no centro espírita do bairro.

João Paulo II, o Papa polonês que emocionou o mundo, era nascido em Touro, em 18 de maio de 1920. Basta existir um planeta trazendo a energia de Peixes ou Escorpião e planetas nas casas de intuição e mediunidade (casas 4, 8 e 12), para que a terra se torne úmida e permeável, se abrindo as explicações “transcendentais”.

Gêmeos tem curiosidade por tudo, mas também gosta de duvidar. Na busca espiritual vai até certo ponto, mas depois duvida e se interessa por outros temas mais mundanos.

Qualquer signo pode ter inclinações espirituais. Um grande amigo, que é padre por vocação, é nascido em Leão. Tem muita influência da casa 12 e do signo de Sagitário. Gosta do recolhimento e das leituras feitas no silêncio. Conheci outro padre, nascido em Áries, que usa sua energia vigorosa para melhorar as condições de vida nas comunidades pobres onde atua.

Faltou falar de Libra. Costuma se dividir entre uma postura mais racional e outra mais sensível. Libra é um signo de filosofia e observação. Talvez prefira eleger a contemplação da arte e da beleza como forma de evolução nesse mundo.