Gêmeos e as diferentes opiniões

Postado em 22 de maio de 2016 por Andreia Modesto

A fábula que escolhi para falar sobre os diferentes pontos de vista é conhecida de todos. Deixa claro que jamais agradaremos a todas as pessoas. Existirá sempre quem pense de modo diferente.

Não é raro que possamos receber críticas depois de termos agido da forma que parecia ser a melhor, preocupados em não cometer erros.

Se não é fácil lidar com a excessiva franqueza de algumas pessoas, é também muito difícil lidar com aqueles que nunca têm opinião própria e que vivem como folhinhas ao vento, tentando agradar a todos e que acabam por se meter em grandes confusões.

A fábula é divertida e mostra que é tolice tentar se ajustar às críticas de outras pessoas. Mais vale viver de acordo com a própria consciência.


Um velho resolveu vender seu burro na feira da cidade e chamou seu neto para ir com ele. Os dois montaram no animal e seguiram viagem.Passando por um grupo de rapazes, escutaram as críticas: – “ Como é que pode, duas pessoas em cima deste pobre animal !”


Resolveram então que o menino desceria e o velho permaneceria montado. Prosseguiram…


Mais na frente algumas velhas lavavam roupa num riacho. Quando viram a cena começaram a reclamar: ” Que absurdo ! Explorando a pobre criança ao invés de deixá-la em cima do animal.”


Constrangidos, trocaram as posições: o menino montou e o velho desceu. Tinham caminhado alguns metros quando algumas jovens sentadas na calçada externaram seu espanto: “Que menino preguiçoso ! Enquanto este velho senhor caminha, ele descansa em cima do animal!”


Depois disto, o menino desceu e desta vez o velho não subiu. Ambos resolveram caminhar, puxando o burro.


Já acreditavam ter encontrado a fórmula certa quando passaram em frente a um bar. Alguns homens que ali estavam deram gargalhadas, debochando: “São mesmo uns idiotas ! Ficam andando a pé, enquanto puxam um animal tão jovem e forte !”


O avô e o neto olharam um para o outro, como que tentando encontrar a maneira correta de agir.

Então ambos pegaram o burro e o carregaram nas costas !!!