Marte e Vênus em Leão em trino com Urano R – Vênus D – Mercúrio em Libra

Postado em 6 de setembro de 2015 por Andreia Modesto

Vênus e Marte em conjunção já podem ser traduzidos como grande capacidade de amar. No signo de Leão, ainda mais intensos, profundos, apaixonados e generosos. Energia de fusão com o outro, criatividade saindo pelos poros, amor à vida, às crianças, alegria de estar aqui, respirando, S E N D O – “Ser” para Leão é o verbo que explica, justifica e compensa tudo. Amo e sou amado, logo existo, filosofia de Vênus e Marte em Leão.

O lado negativo da conjunção pode ser o sentimento de posse, o ciúme. A postura mais conservadora e que acaba fazendo com que o fogo da relação possa se extinguir em curto prazo.

O trino de Urano parece um teste para o relacionamento, mas é uma bênção. Intensidade nem sempre rima com liberdade. Não pode existir sucesso numa relação se um parceiro inibe ou reprime o outro. Sempre fazemos concessões na vida a dois, mas fazer algumas concessões com amor não significa se submeter ao outro.

Então, amor, alegria e liberdade caminham de mãos dadas com essa beleza de configuração astrológica. Mercúrio em Libra nos lembra que o diálogo sempre é ingrediente importante na relação a dois. O parceiro precisa saber o que pensamos e desejamos da vida. O que pensamos dele, o que pensamos de nós mesmos, o que sentimos, o que queremos viver com ele ou de forma mais independente.

Sol e Júpiter em Virgem ajudam a planejar a vida. Com base no sentimento profundo da conjunção Vênus-Marte. Sentimento, amor, vontade. (Leão). Liberdade, reconhecimento do outro (Urano). Diálogo, sinceridade (Libra). Capacidade de fazer a vida seguir de modo harmonioso e feliz (Virgem). Mas ninguém está falando em “facilidades”.

Senso de responsabilidade na postura com as outras pessoas e capacidade de criar um jeito melhor para se viver.