Nodo Sul ou Cauda do Dragão em Escorpião – Nodo Norte ou Cabeça do Dragão em Touro

Postado em 31 de março de 2012 por Andreia Modesto

Para a análise do eixo Touro-Escorpião, é preciso observar não apenas Vênus e Plutão no mapa, como o “jogo” entre os planetas do elemento terra e os planetas do elemento água. Além, obviamente de analisar a casa 2 e a casa 8 com um foco maior.

Onde está Vênus? Em conjunção com Netuno na casa 8? Ou conjunto a Saturno na casa 6?

Não importa qual seja a posição dos nodos, seja sul ou norte, o que importa é o aprendizado no eixo das posses, valores e desejos.

O que é meu? O que é do outro?

O que é do casal? O que é da família?

No sentido do que “pertence” – dinheiro, bens, valores.

O casamento ainda é uma experiência importante, pois Escorpião e a casa 8 são energias de associação. Mas a questão é mais complexa do que no eixo Áries-Libra.

O eixo Touro-Escorpião ou casa 2-casa 8 está relacionado com valores, dinheiro, sexo, sensualidade. Se em Áries-Libra a questão chave é o compromisso com a outra pessoa (a aliança), no eixo Touro-Escorpião existe uma profundidade maior.

Além do compromisso, existirá a confiança necessária para uma sociedade? Será bom ter sócios? Compartilhar não apenas o cotidiano mas também valores e dinheiro? A entrega de Escorpião é mais profunda do que a de Libra – e aqui não estou falando de nascidos sob o signo de Escorpião ou de Libra, mas da essência de cada signo. Libra casa, se compromete mas não necessariamente “entrega a alma”. Escorpião se joga por inteiro.

Não é raro receber casais em que divergem no modo como devem lidar com o dinheiro. Ele é mão aberta, ela é controladora. Ele gosta de investir com risco e ela gosta de contar os centavos. Ela é mais ambiciosa, ele é mais acomodado, vivendo com pouco.

Se o Nodo Norte estiver em Escorpião ou na casa 8, a lição é aprender a aceitar a ajuda financeira das outras pessoas. Se o Nodo Norte estiver na casa 2, deve-se lutar pela total autonomia financeira.

Ele foi morar na casa dela e reformou todo o apartamento. Na separação, todo esse investimento é contabilizado centavo por centavo, ou o extremo oposto, fica sem receber um tostão de volta. Sempre oito ou oitenta.

O texto acima já apareceu em alguma postagem desse blog mas estou fazendo uma releitura.

Escorpião nos pede transformação, transcendência e despojamento.

Touro nos pede construção, empenho e segurança.

 São movimentos diferentes. Se Touro exige boa dose de suor, Escorpião exige à entrega e total confiança na vida.

O Nodo Norte em Touro na casa 7 pode pedir um planejamento financeiro com o parceiro afetivo ou sociedades de negócios nas quais tudo seja feito em comum acordo e exista sempre o controle sobre a parte administrativa-financeira. Exige muita paciência com o parceiro afetivo, o controle das emoções, o respirar fundo antes de tomar atitudes. O casamento é um processo de construção lento, tijolo sobre tijolo e se algum vendaval ameaçou a relação,  pode ser positivo tentar mais uma vez. O Nodo Sul ou Karma Sul em Escorpião na primeira casa, pode revelar individualismo e a tendência de vidas anteriores a relações curtas e intensas. 

O Nodo Norte em Touro na casa 12 pede cuidados com a alma e a saúde de modo geral. O Nodo Sul em Escorpião na casa 6 revela um total esgotamento em relação a tudo o que diga respeito ao cotidiano. Embora exista muita inteligência e desejo de produzir e progredir, a pessoa absorve tudo o que acontece ao seu redor e acaba adoecendo ou explodindo pelo excesso, pela tensão acumulada.

Fazer uma análise dos elementos não é difícil. O elemento terra é um elemento de paciência, persistência, construção. Tijolo após tijolo e o prédio vai subindo. Touro confia, acredita, investe, espera, recupera, restaura, pensa antes de tomar atitudes, realiza devagar de modo que seja realmente minucioso, cuidadoso ao extremo.

O dinheiro é um dos símbolos do signo de Vênus. A construção financeira gera uma vida tranqüila na qual se pode ter uma casa confortável, receber amigos e fazer uma viagem bem programada conhecendo museus e obras de arte. É um signo conservador, de família e passado.

O Nodo Sul ou Karma Sul em Escorpião pode sentir que o dinheiro escorrega pelos dedos. E não somente o dinheiro. Toma atitudes impulsivas e depois se arrepende porque acaba acarretando perdas. Positivamente, pode ter poder de cura e capacidade de perdoar. Ou o contrário, pois Escorpião é oito ou oitenta. Vira a página ou fica remoendo para o resto da vida.  

O elemento água não gosta do enquadramento nas questões básicas (taurinas) de sobrevivência no plano material. Pagar as contas em dia, colocá-las no débito automático ou chamar o eletricista para consertar a fiação que queimou pode ser um baita sacrifício para quem preferiria estar visitando Júpiter ou meditando sobre a salvação do planeta.

O elemento água pode ser dependente emocionalmente e financeiramente, embora isto não seja uma regra. O Nodo Sul em Escorpião, por ser ao mesmo tempo uma energia do elemento água e do dinheiro, pode viver os altos e baixos de todas as marés. Um dia tem, outro dia não tem.

O fator tempo para o elemento terra (Nodo Norte), é sempre muito importante. Afinal, vamos envelhecer e o ideal é começar a guardar algum dinheiro para a aposentadoria. Aos 40 anos já  compra a tal chácara onde  vai passar a segunda metade de vida, com a aposentadoria feita sobre vários pequenos imóveis de aluguel.

O elemento água “esperneia” por estar preso no corpo físico e não poder dar um passo maior do que a perna. Alguns até dão esse passo e se endividam, perdendo o controle sobre o bolso. Outros não chegam na hora certa ou mostram inconstância na vida profissional e na idade avançada não construíram ainda uma carreira sólida.

O Nodo Norte em Touro na casa 8 pode precisar passar por perdas ou altos e baixos  para conseguir aprender a lidar com o dinheiro, num processo em que claramente se distingue o que é verdadeiramente necessário do que é supérfluo.

O Nodo Sul em Escorpião pode ter visto o dinheiro como um entrave ao desenvolvimento espiritual. Agora, procura um ponto de equilíbrio, aceitando que deve trabalhar para conquistar sua segurança. Muitas vezes recebe heranças que evaporam rapidamente pois não trazem das vidas anteriores habilidade na construção financeira. Isto pode ser modificado se outros planetas mostrarem que já existiu algum avanço nesse sentido. Devem ser muito cautelosos com sociedades, já que acabam se perdendo nesses casamentos financeiros onde ninguém sabe ao certo o que é de cada um.

A construção financeira é um modo daquela pessoa se reconhecer como potente, capaz de se apropriar dos seu dons e talentos, transformando-os em trabalho e recebendo o retorno financeiro merecido por sua produtividade.

O elemento terra cuida da saúde, trabalho e dinheiro. Se o dinheiro é conseqüência do trabalho bem realizado e o mesmo só pode ser feito se existir boa disposição mental e física, a saúde deve ocupar o primeiro lugar nas preocupações do Nodo Norte em Touro-Nodo Sul em Escorpião. Todo desregramento acabará trazendo conseqüências negativas, baixa produtividade ou enganos no modo como administrará seu dinheiro.

O Nodo Norte ou Karma Norte em Touro na casa 9, 10 ou 11, exige mais do que em qualquer outra casa, pois são casas de planejamento de futuro e ingresso no mundo dos adultos. O Nodo Sul ou Karma Sul em Escorpião pode ser auto-destrutivo (não é uma regra), ou pode viver apenas o dia e ter uma grande dificuldade em fazer o que Touro pede: se planejar com paciência a médio e longo prazo.

Uma das traduções do Nodo Sul em Escorpião é a superstição. A busca espiritual pode gerar dependência em relação aos gurus e uma vida de medo e angústia. Isto é superado pelo equilíbrio com a energia de Touro: “Ajuda-te e o céu te ajudará”.