Previsões 2017 – Áries, Touro e Gêmeos

Postado em 8 de dezembro de 2016 por Andreia Modesto

Vou jogando as PREVISÕES 2017 aos poucos. Resumíssimo. Hoje Áries, Touro e Gêmeos, resumo feito entre os atendimentos.

Áries – Muitos desafios. É preciso cautela com o dinheiro e cuidados com a saúde. Mas o ponto principal são os relacionamentos. Positivamente poderá descobrir amizades e vínculos verdadeiros.

Negativamente terá que se adaptar, ceder mais, investir nas relações, embora consiga também ter um excelente retorno. Se os relacionamentos não forem realmente importantes ou verdadeiros, acabarão se rompendo. O maior desafio é ter que estar atento, ser criativo, rápido, se reinventar na vida profissional, e ao mesmo tempo ser paciente e dedicado nas relações, sejam pessoais, familiares, afetivas ou profissionais. Haja fôlego!

O ganho continua sendo o reconhecimento da própria força, do próprio valor. Mas também, a descoberta do quanto gosta de estar ao lado das pessoas e compartilhar a vida com elas.

Touro – As maiores mudanças de Touro parecem ser internas. Será em 2018 que viverá os maiores desafios, com influências de Urano e Júpiter. Ao longo de 2017 é importante trabalhar o autoconhecimento e ir se preparando para uma fase mais arrojada e de mudanças maiores de vida em 2018.

O mundo mudou e Touro precisa mudar. Entender melhor as novas formas de se fazer dinheiro, descobrir novos talentos ou desenvolvê-los através de cursos, obtendo novas técnicas, explorando novas possibilidades. Viagens e estudos serão reveladores, funcionarão como faróis na direção de novos cenários. E é fundamental dar espaço para filosofar.

O signo que é prático e amante da beleza vai debruçar sobre livros, refletir, deixar a imaginação voar. E ainda vai se permitir gastar um pouco mais com as viagens, pois nem só de pão vive o homem, a alma também está faminta!

Gêmeos – O desafio de Saturno representa crescimento para Gêmeos: valoriza o silêncio, torna-se mais introspectivo e não perde tempo com conversas fúteis. Perfeito para quem vai estudar, fazendo cursos que poderão representar um degrau maior no trabalho, ou que simplesmente trarão satisfação ao espírito.

A mente se transforma, se torna mais seletiva e esse seletiva se estende às pessoas, substituindo alguns amigos por outros. Engajamento maior com questões sociais e espirituais. O signo acusado de viver “em cima do muro”, resolve descer, se posiciona, vivendo uma fase de amadurecimento, conquistas, realizações. Deve evitar sociedades, mas topar parcerias livres, onde a troca é de conhecimento e experiência.

Processo de amadurecimento. Desacelera um pouco, ganha profundidade e consegue um nível de comprometimento bem alto com a vida.