Vênus e Marte em trígono – Vênus trígono Marte

Postado em 7 de julho de 2014 por Andreia Modesto

Ilustração – Afremov

Vênus e Marte formam um trígono no céu. Juno, Mercúrio e Vênus estão em Gêmeos. Nodo Norte e Marte em Libra.

Elemento AR. Mercúrio entra em Câncer, signo ocupado pelo Sol. Semana da Lua Cheia, em que Sol e Lua em oposição, representam os relacionamentos.

Sem tocar nos aspectos enviados ao Sol, o céu tem a proposta de superação dos conflitos através do diálogo sincero e da mente fria. O  elemento AR, que é o elemento que valoriza a TROCA e o RESPEITO e RECONHECIMENTO pela individualidade dos outros, é frio. O elemento ÁGUA, que é também bastante emotivo e está relacionado ao AMOR e CASAMENTO, não tem esse distanciamento que o elemento AR propõe.

Câncer, Escorpião e Peixes, quando amam, não raro “tomam a forma do outro”, se mesclam, mergulham fundo na relação e podem perder a própria identidade, querendo ser aquilo que o outro é ou o que o outro gostaria que o parceiro afetivo fosse.

O elemento AR também tem o poder de “tomar a forma do outro”, mas parece ter a consciência desse processo, ou seja, está o tempo todo atento a esse fato.

Todas as pessoas que têm no mapa astral Vênus em aspecto com Marte, não necessariamente em trígono, podem viver dias importantes para os relacionamentos de forma geral.  Aquelas que possuem Vênus em Gêmeos e Marte em Libra, mais do que especialmente, estarão renovando a capacidade de amar e de dividir a vida com outra pessoa.

Sempre chamo a atenção para o fato de que um aspecto somente não pode ser determinante na interpretação de um mapa astral. É verdade. Se Marte forma bom aspecto com Vênus mas a Lua está num signo mais complicado ou desafiador e em aspecto com Urano, por exemplo, o desenrolar da vida amorosa pode ser mais difícil do que se imaginaria.

A casa 5, a casa 7 e a casa 8 do mapa astral fornecem informações importantes sobre o que se pode esperar de um relacionamento afetivo. Também é importante ver se existem conflitos entre o que Vênus, Marte, Lua e Juno esperam do amor. Juno em Aquário é muito livre, mas Vênus e Marte em Câncer querem um amor romântico. Contradições, todos nós temos.

O Sol na casa 7 pode indicar o desejo de ter um parceiro luminoso. Mas se a luz vem do outro, embora o Sol seja o centro do sistema solar, aqui, o brilho, calor e energia podem depender da presença do outro. Marte na casa 7 e Vênus na casa 4 em quadratura, podem indicar conflitos entre o modo de ser do parceiro (casa 7) e o estilo ou modo de vida aprendido dentro da família de origem (casa 4). Uma quadratura entre Vênus na casa 11 e Marte na casa 2 pode indicar que os ideais e metas superiores de vida (casa 11) se chocam com as necessidades de sobrevivência (casa 2). Conflitos envolvendo Lua e Marte ou Lua e Vênus, ou ainda, Juno, devem ser analisados com muita atenção também.

De qualquer modo, a proposta da semana é uma proposta de harmonia, compreensão, capacidade de enxergar as outras pessoas e formar relacionamentos realmente verdadeiros e duradouros.

Isto não vai afetar todas as pessoas, cidades, países. Nem todos os eventos reagirão à proposta que o céu faz.  Marte continua em oposição a Urano, Saturno em Escorpião e Plutão em Capricórnio. Continuaremos, infelizmente, a ler e ouvir notícias de casos violentos, guerras civis, guerras entre países, mortes, desabamentos e catástrofes naturais como as que acometem o sul do país. Nesses casos, as regências dominantes não são de Vênus e Marte, mas de outros planetas.

Mas, quem consegue entrar em sintonia com Vênus e Marte no elemento ar, tem a chance de criar um ambiente mais tranquilo ao seu redor. Cooperação e compreensão, sintonia com as outras pessoas, aprendizado: colocar-se no lugar do outro, que tem outra sensibilidade e outra história de vida. No mínimo, as pessoas podem ter uma percepção mais clara do que realmente desejam da vida amorosa.

Pode ser um período importante sobre tomada de decisão na vida a dois.  A orientação é fazer valer os pontos fortes da relação e continuar se comunicando e evitando mentiras ou mal entendidos. Se os relacionamentos não prosseguirem, é porque não passaram no teste de Urano e Plutão. Desistir da vida amorosa? Nem pensar. Aprender com as experiências e tentar mais uma vez e sempre.